A Espanha é um país maravilhoso, com boa comida, cultura fantástica e paisagens maravilhosas, por isso não é de surpreender que muitas pessoas desejam estudar e morar por lá. Da mesma forma que a Irlanda e Austrália, agora é possível enquanto você estuda espanhol trabalhar meio período na Espanha. Com isso a tendência é que aumente o número de estudantes para lá ainda em 2019. A maior dúvida hoje dos estudantes é decidir em qual cidade ficar. Selecionamos os três destinos mais escolhidos pelos exploradores e aqui vai nosso depoimento:

Barcelona

Barcelona é uma cidade cheia de vida, e há sempre muito o que fazer, não importa a hora do dia, mês ou ano – é impossível ficar entediado em Barcelona! Há uma enorme comunidade de estrangeiros, por isso quem for estudar lá será fácil fazer amigos de todo o mundo. Barcelona também é um centro para nômades digitais, com espaços de coworking por toda a cidade. Se Barcelona fosse uma cidade pensando em pessoas + clima seria o Rio de Janeiro. A cidade é bem quente e movimentada de turistas, mas para quem não gosta de calor o tempo todo é possível fugir para a praia (as praias de lá são lindas) e ir para as montanhas esquiar um dia ou dar um mergulho no Mediterrâneo, que é perto. Barcelona realmente tem tudo, a comida é incrível, a arquitetura é surreal, vida noturna bem divertidade, cultura catalã, festivais, sol, e a lista não para! Dizem que quem escolhe Barcelona fica difícil de querer ir embora de lá.

paul-gilmore-753587-unsplash

Madri

Madri é a maior cidade da Espanha. A cidade possui vários bairros diferentes e lindos para serem explorados. A capital recebe pessoas de vários lugares do mundo e para quem sonha em ter aquela vida corporativa é aqui, pois em Madri estão as principais empresas globais de tecnologia como o Twitter, Google, Oracle, PWC, IBM, entre outras.

Para quem busca um bairro jovem e com vários estrangeiros a nossa dica é o bairro de Malasaña. No bairro você encontrará inúmeros bares de tapas, restaurantes, baladas e muito mais. Malasaña está bem conectada através dos sistemas de metrô e ônibus e tem uma localização central. Madri é mais barato para se morar comparado a Barcelona. Aqueles que procuram um lugar mais requintado e elegante devem viver no bairro Salamanca, e aqueles que desejam mais paz e tranquilidade vão adorar morar perto do Parque do Retiro. Madri é um excelente lugar para se hospedar na Espanha, pois há sempre algo para fazer na cidade, mas é igualmente fácil passar o fim de semana em outros lugares da Espanha via ônibus, trem ou avião. Há muitos passeios incríveis a apenas algumas horas de distância.

eleni-afiontzi-1099064-unsplash

Sevilha

Viver em Sevilha é como viver num museu: belos edifícios em todo o lado e muita história espalhada por todo o lado. A cidade é a mais barata para se morar, comparada a Barcelona e Madri. Preços de imóveis são 38% mais baratos que Madri e alimentação 15% mais barato. Isso significava que você terá uma vida bem mais tranquila e com poucos gastos. Dizer que a vida é tranquila não significa que você vai se sentir sozinho, pois todo mundo lá é muito amigável. Eles adoram conversar!

Sevilha é uma cidade muito limpa: as ruas são limpas todas as noites após o pôr do sol. Os verões são muito quentes, mas as outras estações são bem tranquilas.

joan-oger-1646894-unsplash

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *