Criado no século 16 para cercar o palácio de mesmo nome, o Jardim de Luxemburgo é um perfeito exemplo de delicadeza e beleza de certos espaços em Paris. Sobretudo na primavera, quando suas diversas e coloridas flores desabrocham e as árvores de seu pomar lotam de frutas, fenômeno que atrai habitantes de Paris e turistas.

O palácio, que desde 1958 é sede do senado francês, não passara inicialmente de um capricho da rainha Maria de Médici. Ela crescera no palácio Pitti, de Florença, e quis um igual para o seu novo lar. O complexo ainda inclui o Museu de Luxemburgo que organiza mostras temporárias com alguns dos principais artistas franceses e internacionais (Botticelli e Cézanne figuram entre os que passaram por aqui recentemente) e um teatro. Cenário de Os Miseráveis, de Victor Hugo, o jardim conta com belas estátuas e fontes – a mais famosa é a Médici, também do século 17.

luxemburgo

Tag: ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *