Essa semana conseguimos bater um papo com a Renata Cruz, uma das consultoras Mundi. Ela conta um pouco a história dela antes de se tornar uma consultora mundi.

O intercâmbio sempre foi uma ideia que estava na cabeça dela, porém ela nunca foi atrás para saber como funcionava, até que o irmão começou a incentivar e assim resolveu que queria fazer 1 mês de intercâmbio no Canadá.

 “Pesquisei um pouco e decidi ir para Vancouver, porém com uma pontinha de dúvida sobre Malta. Fechei tudo bem rápido e dei entrada na documentação para o visto canadense, porém ele foi negado. Não deixei me abater e vi que aquela minha dúvida de antes era o que eu devia ter seguido desde o começo. Mudança de planos, vamos para Malta.”

12112079_892026914204811_5037875441452710828_n

 A mala que era para ter roupas de frio virou roupas de calor!

“Logo quando cheguei no aeroporto já foi um misto de sensações: ansiedade, alegria e muito medo, é normal, é tudo muito novo e meu inglês era super básico. Mas cada dia que passava eu fica mais feliz” – contou.

Ela falou que fez o máximo para aproveitar o intercâmbio. Ganhou muitas amizades, se esforçou para falar bastante em inglês e conheceu muitos lugares.

“Na escola eu queria contar sempre o que eu tinha feito no dia anterior, isso me ajudou bastante a melhorar meu nível de inglês.”

Para a Renata, Malta foi o destino certo. Os lugares que ela mais gostou foi Valletta, que é um museu a céu aberto, e Blue Laggon, na ilha de Comino com águas cristalinas – para ela uma das mais lindas que já viu.

“Intercâmbio é muito mais que um curso de língua, é uma experiência incrível de vida, é a melhor maneira de conhecer pessoas de várias nacionalidades, visitar vários lugares diferentes, uma boa maneira de se tornar mais independente e, claro, melhorar seu currículo e a língua qual deseja estudar.”

10298908_895248680549301_6477758990646155850_n

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *