P. Sherman, 42. Wallaby Way – SIDNEY! Quem não lembra dessa frase (ou podemos dizer meme) da querida peixe Dora do procurando Nemo? É lá onde fomos parar para trazer a vocês informações de um dos destinos mais procurados aqui na agência Mundi.

Imagem

Sydney é uma das cidades portuárias mais famosas do mundo, conhecida pela agitada vida ao ar livre, praias exuberantes e arquitetura diferenciada. O Opera House e a Harbour Bridge são apenas alguns dos incríveis cartões postais pelos quais você se apaixonará estando por lá.

Para quem curte praia, o destino oferece deslumbrantes opções como a Bondi Beach, praia de areia dourada que atrai turistas do mundo todo, e ainda a Coogee Beach, repleta de trilhas litorâneas e reservas marinhas (lá é possível mergulhar com snorkel e ver de perto a vida marinha).

Imagem
(FOTO: Bondi Beach. Fonte: Pinterest)

Além das praias, Sydney abriga o bairro Glebe, uma região onde há bares e diversas opções de lazer, cultura e entretenimento. É uma comunidade localizada entre duas grandes universidades, cheia de jovens estudantes que frequentam desde os cafés e livrarias até os pubs mais agitados. Ideal para descobrir novos lugares, pessoas e ideias.

Para os mais aventureiros, na excêntrica Cockatoo Island é possível conhecer a ilha que já foi um presídio (além de cenário do filme X-Men Origens: Wolverine). Muito do que tem por lá é fruto do trabalho dos presidiários. Atualmente a ilha funciona como um estaleiro onde é permitido acampar, mas as lembranças da vida dos prisioneiros permanecem até hoje e podem ser facilmente exploradas. O transporte de balsa é gratuito – somente é cobrado para entrar no parque um livro para doação (sugerimos também que leve 10 dólares para a gorjeta (tip) do seu guia).

Libertando-se da Cockatoo Island, é hora de cair na noite australiana. A agitação se concentra em King Cross, são dezenas de atrações entre bares, boates e restaurantes. É importante lembrar que na maioria das casas noturnas de Sydney é proibido entrar de bonés ou regatas, mesmo nos dias mais quentes.

Anualmente, acontece o Vivid Sydney, o iluminado festival com muita música e arte. São 18 dias que a cidade se transforma em uma obra viva. Artistas são convidados para transformarem a cidade em sua própria tela: inúmeras esculturas dividem espaço com shows ao ar livre. A cidade é o espetáculo e fica toda iluminada.

Imagem
(FOTO: Projeção Vivid Sydney. Fonte: Pinterest)

Para se locomover por Sydney é preciso saber que o transporte público divide a cidade em zonas numeradas, que se iniciam no centro e se estende para o subúrbio. As passagens de ônibus variam de acordo com as zonas percorridas. Além dos ônibus, outro meio barato e fácil é o metrô, que conta com 307 estações em uma malha com cerca de 1,5 mil quilômetros.

O bilhete único australiano, o My Zone, funciona de um jeito um pouco diferente do que conhecemos por aqui. São diversos cartões disponíveis que variam de acordo com a zona, meio de transporte (o metrô, os ônibus e trens são integrados) e o período desejado. Para saber mais sobre o transporte público australiano recomendamos acessar o site: http://www.transportnsw.info/, que informa o status de todos os serviços e disponibiliza todos os trajetos.

Depois dessas dicas e informações que demos por aqui, você pode saber um pouco mais sobre o destino falando com a gente. Entre em contato que teremos o prazer de contar mais um pouco sobre as coisas que Sidney tem a proporcionar. Viajar para Sidney é mais fácil do que imagina.

Tag: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *